Japão quer começar a vacinar contra coronavírus no 1º semestre de 2021

Governo pretende incentivar simultaneamente pesquisa e produção

O Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-Estar Social do Japão elaborou um plano para tornar mais rápido o processo até que vacinas contra o novo coronavírus possam ser usadas na prática. A ideia é acelerá-lo ao incentivar, de maneira simultânea, tanto a pesquisa e o desenvolvimento quanto a produção.

O ministério reservou cerca de US$ 455 milhões em subsídios para instituições envolvidas no desenvolvimento de vacinas, como parte de uma segunda proposta de orçamento suplementar para o ano fiscal atual.

A pasta também reservou cerca de US$ 1,3 bilhão em verbas extras para incentivar empresas privadas a investir em unidades de produção de vacinas.

Autoridades de saúde afirmaram a representantes de partidos governistas que esperam poder começar a vacinar a população contra o novo coronavírus na primeira metade do próximo ano. Ao mesmo tempo em que incentivam investimentos na capacidade de produção, eles também querem facilitar o processo de aprovação da vacina.

(Por NHK – Tóquio)

Latest Posts

OMS: transmissão de covid-19 a partir de assintomáticos é “muito rara”

Especialista diz que é importante traçar rota de pessoas...

Governador sanciona leis de autoria do Legislativo

Os textos apresentam aumento de multa para pichadores, coleta...

Auxílio emergencial: Caixa libera 2ª parcela para nascidos em agosto

Hoje, sai o dinheiro para 2,6 milhões de beneficiários A...

Crimes contra o patrimônio caem mais de 21% no DF

Policiamento ostensivo mantido em ruas esvaziadas contribuiu para quedas...

Japão quer começar a vacinar contra coronavírus no 1º semestre de 2021

Governo pretende incentivar simultaneamente pesquisa e produção O Ministério da...